Sem fronteiras no marketing digital – o céu é o limite!

digital_marketing

Ao falar sobre o marketing digital é preciso destacar quatro vértices relevantes que definem bem o valor dessa atividade. Essas ações passam pelo fortalecimento da marca, tornando-a mais visível; divulgação e comercialização de produtos e serviços; conquista e fidelização de clientes, através da informação, e serviços de atendimento ao cliente, com melhoria da rede de relacionamento. Seu investimento em marketing digital deve partir do princípio de que é preciso, primordialmente, disseminar valores e ideais, vendendo produtos e serviços. O que você deseja transmitir ao seu interlocutor? A construção da imagem, ou melhor, da “persona”, utilizando o jargão técnico, passa pela forma como a empresa ou a pessoa se comunica com o seu público.

Partindo dessa premissa, é primordialmente necessário que a mensagem a ser transmitida seja clara, transparente e fidedigna.  Para isso, é preciso estabelecer alguns princípios, que são uma forma direta de comunicação, que deve ser personalizada e inserida no momento certo e com o conteúdo correto. O objetivo do marketing digital, cada vez mais em voga nos dias atuais, sobretudo pela questão de custo, é atrair novos negócios e/ou buscar visibilidade de uma pessoa ou marca. Ao estabelecer essa função do marketing digital é preciso ter em mente que é preciso sim, criar relacionamento e construir a identidade de uma marca.

Tudo isso de modo online, adotando algumas estratégias de Inbound Marketing, que envolve SEO, Marketing de Conteúdo e Redes Sociais. Entre as vantagens do marketing digital, importante destacar a questão das métricas, que permitem mensurar o alcance da campanha adotada pela empresa, ou seja, é possível saber ao certo quantas pessoas ou empresas atingidas e qual o perfil das mesmas; a agilidade; o alcance, com ferramentas que propiciam vislumbrar as áreas a serem englobadas; a segmentação (tipo de público), e a interatividade (você pode ter o feed-back do seu público). Essa comunicação pode ser B2B ou B2C. O que quer dizer isso? Ela pode ser de empresas que vendem produtos para outras empresas (B2B) ou que vendem produtos ou serviços para o consumidor final (B2C).

Apesar da importância que vem assumindo, ainda existem muitas empresas que não conseguem vislumbrar as potencialidades do marketing digital.  Mas, o mundo hoje é totalmente digital e as pessoas, também. Trata-se de um universo muito amplo que as pessoas e, principalmente, empresas precisam entender e adotar em suas projeções e captações de novos negócios, além da manutenção dos mesmos. Mas, qual a principal diferença do mundo online para o offline? A possibilidade que permite ao profissional de marketing acompanhar de perto a evolução da ação, implementando estratégias e monitorando resultados. Ao contrário do offline, como o meio impresso, seja uma revista, jornal ou qualquer outro meio de comunicação impresso, que, para mudar coordenadas, requer o emprego de maiores custos.

Para começar a falar sobre marketing digital, uma empresa antenada com as linhas mestras dessa ferramenta tem que possuir um site, que funciona, mais ou menos, como a vitrine do seu negócio no mundo online. É importante que ele tenha uma boa navegabilidade, seja interativo e interessante, com conteúdo de valor, mas, acima de tudo, é preciso que seja otimizado para os buscadores (Google, Bing, Yahoo, etc.).  Isso significa dizer que aqueles que navegarem na sua página na Internet terão a chance de entender plenamente qual a razão de existir da sua empresa e, principalmente, vão achá-la facilmente. Além do site, outras ferramentas devem ser atreladas, tais como blog, mídias pagas, redes sociais, e-mail e vídeos, como os encontrados no Youtube. Um dado importante é que o site tem que ser responsivo, ou seja, deve ser navegável também em smartphones e tablets.

Ao longo desse artigo foi dada uma breve pincelada sobre o universo do marketing digital e suas ferramentas disponíveis. Porém, a questão da forma como será direcionada a campanha da sua empresa, os meios a serem escolhidos e a estratégia de conteúdo a ser adotada devem ser discutidas junto a um profissional e especialista no assunto.  Por incrível que pareça, ainda existem pessoas ou empresas que acreditam que podem delegar essa tarefa a uma “pessoa entendida no assunto”. Ledo engano!

É preciso que as pessoas entendam que no mundo dos negócios não cabe mais espaço para o que pode ser chamado de “amadorismo”. É preciso entregar o ofício das coisas a quem entende do assunto. Isso é crucial para que os objetivos sejam alcançados e, principalmente, o sucesso da sua investida no mundo digital seja pleno e de forma eficiente.

Por: Verônica M. de Oliveira - Jornalista
www.linkedin.com/in/veronicadeoliveira

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s