Niterói é premiada pelo Programa Cidades Empreendedoras, do Sebrae/RJ

Em solenidade na Sede do Sebrae, no Rio, representantes das cidades participantes foram premiados pelo Programa

O Sebrae/RJ realizou, nesta quinta-feira (26), a cerimônia de premiação do Programa Cidades Empreendedoras. Desenvolvido em 11 municípios do Estado do Rio de Janeiro, o projeto teve como foco o engajamento da gestão pública e lideranças locais na melhoria do ambiente empresarial e na promoção de políticas públicas favoráveis às micro e pequenas empresas.

A presidente do Conselho Deliberativo Estadual do Sebrae/RJ, Carla Pinheiro, abriu o evento e afirmou que o primeiro ciclo da iniciativa cumpriu seu papel, destacando que em 90% dos municípios participantes, por exemplo, já é possível emitir alvarás de maneira totalmente virtual em tempo recorde. “O aumento da emissão de alvarás on-line é um sinal claro de avanços na desburocratização e no desenvolvimento econômico”, acrescentou, ressaltando que depois de meses intenso de trabalho, esforço e dedicação de todos os envolvidos, tanto das Prefeituras quanto do Sebrae, os benefícios estão evidentes. “Este projeto veio para ajudar os cidadãos, empresários e órgãos gestores. O primeiro ciclo mobilizou diretamente mais de 300 gestores públicos e agora colhemos os frutos desse projeto tão importante que une gestão pública e lideranças locais em favor do empreendedorismo. As cidades que se dedicaram apresentam, hoje, um ambiente muito mais sustentável e propício à negócios”, comemorou.

Em Niterói, ao longo do ano de atividades do programa, medidas para a desburocratização e melhoria no ambiente empresarial foram tomadas. Em destaque, estão a capacitação de gestores municipais e fornecedores em compras públicas, rodada de negócios públicos com fornecedores, plano de compras municipal, alvará online via REGIN, capacitação e nomeação de agentes de desenvolvimento, mapa de oportunidades e adição de serviços na Sala do Empreendedor.

Para Leandro Marinho, coordenador regional do Sebrae/RJ no Leste Fluminense, a cidade cumpriu o objetivo de tornar a cidade mais atrativa para empreendedores: “A participação do município no programa conseguiu, de fato, incentivar novos negócios na cidade. Encontramos facilidades hoje, que não eram visíveis no ano passado. Ainda há espaços para melhorias e iremos continuar trabalhando neste sentido”, declarou.

Na solenidade, que contou com representantes de todas as cidades participantes, foram abordados os avanços para o empreendedorismo de cada município.

O ranking geral do programa, que foi elaborado em formato de game para que se fizesse possível acompanhar o desenvolvimento de cada participante em tempo real, foi liderado por Nova Friburgo, em primeiro lugar, Petrópolis, em segundo e Volta Redonda, em terceiro.

O programa 

O Cidades Empreendedoras é uma iniciativa inédita do Sebrae/RJ desenvolvida em 11 municípios do estado do Rio de Janeiro para engajar a gestão pública e lideranças locais, por meio de um game, para que sejam criadas e implementadas polícias públicas voltadas para micro e pequenas empresas, melhorando assim o ambiente empresarial das regiões. O Comitê Gestor de cada município participante, formado por secretários municipais de governo, fazenda, administração, planejamento, saúde, meio ambiente, educação, agentes de desenvolvimento, procuradoria, controle interno, além de lideranças empresariais, representantes do legislativo local e equipe do Sebrae/RJ, se reuniu mensalmente para deliberação e aprovação das ações a serem implantadas.

Entre as conquistas deste primeiro ciclo, cerca de 90% dos municípios participantes passaram a emitir alvarás para licenciamento empresarial online e integrado com os demais órgãos do estado e do governo federal envolvidos no registro empresarial; parte deles implantou a metodologia Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP) capaz de disseminar o empreendedorismo nas escolas, despertando a temática entre alunos e professores; e aumentaram o percentual das compras governamentais com micro e pequenos fornecedores.

O Programa Cidades Empreendedoras mobilizou diretamente mais de 300 gestores públicos dos municípios de Angra dos Reis, Campos dos Goytacazes, Duque de Caxias, Itaperuna, Niterói, Nova Iguaçu, Nova Friburgo, Petrópolis, São Pedro da Aldeia, Três Rios e Volta Redonda.


Fonte:
http://cidadedeniteroi.com/blog/2018/04/28/niteroi-e-premiada-pelo-programa-cidades-empreendedoras-do-sebraerj/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s